Caixa apresenta Programa Avançar Cidades em encontro com Prefeitos realizado pela AMAMS

Durante encontro com prefeitos que ocorreu entre a AMAMS e a Caixa Econômica Federal, foi apresentado aos prefeitos da região, o Programa Avançar Cidades, que oferta recursos para as Prefeituras aplicarem nas áreas de Mobilidade e Saneamento, com taxas atrativas. Foi apresentado por exemplo propostas para asfaltamento, com valor médio de R$ 1 milhão, que terá parcelas de aproximadamente R$ 10 mil por mês, enquanto em outras linhas de crédito estariam pagando R$ 30 mil. Além disso os municípios tem a carência de quatro anos para começar a pagar o financiamento.

O Avançar Cidades  prevê na área de saneamento, contemplar municípios em três grupos: os com menos de 50 mil habitantes, outros entre 50 mil até 250 mil e o terceiro,  acima de 250 mil habitantes com obras de abastecimento de água, esgotamento sanitário, manejo de águas pluviais, resíduos sólidos, redução e controle de perdas, estudos e projetos, e plano municipal de saneamento básico. A previsão é de recursos da ordem de R$ 2,2 bilhões, definida de acordo com a capacidade de endividamento de cada cidade.

Na área de mobilidade urbana, o programa Avançar Cidades atende municípios menores em todo o País, melhorando a circulação das pessoas nas cidades e as condições de saúde e da qualidade de vida da população urbana e rural por meio de investimentos destinados à universalização e à melhoria dos serviços públicos de saneamento básico. A previsão inicial é um aporte de R$ 3,7 bilhões em recursos do FGTS, no âmbito do Programa Pró-Transporte com juros de 6% ao ano, acrescida de até 2% de diferencial de juros e mais até 1,0% de taxa de risco do agente operador do FGTS, com carência de quatro anos, prorrogável a critério do agente operador. O prazo de amortização é de até 20 anos.

Montes Claros, 18 de Agosto de 2017

Ascom | AMAMS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *