Terça Feira, 17 de Janeiro de 2017

Cidades do Norte de Minas pedem carência do SOMMA

somma (Copy)Assim como os Estados, os prefeitos do Norte de Minas estão reivindicando junto a União o alongamento da dívida dos municípios, com carência de 12 meses para as dívidas do Projeto Somma (BNDES – Programa de Saneamento Ambiental, Organização e Modernização dos Municípios). A proposta foi apresentada na manhã desta quinta-feira 28/07, durante a assembleia dos prefeitos da área de abrangência da Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene (AMAMS).

No documento que será elaborado pela entidade, os municípios farão um relato do atual momento que estão vivendo, externando a dificuldade que estão tendo para tentar fechar os seus mandatos cumprindo com os pagamentos de servidores e fornecedores.

O presidente da AMAMS e prefeito de São Francisco, Luiz Rocha, disse que esta reivindicação se faz necessária, pois a situação financeira da maioria dos municípios está no limite. Entretanto, ressaltou a necessidade da união dos prefeitos para fazer pressão em seus deputados para ajudar a cobrar a viabilização deste pleito de cunho regional.

“Se conseguirmos alongar a dívida com o Somma, os atuais prefeitos e os próximos terão tempo para colocar a ‘casa em ordem’. Se não encontrarmos alternativas para fechar as contas, teremos que interromper alguns serviços essenciais”, Finalizou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *